A importância de investir em tecnologia na área da saúde

Investir em tecnologia na área da saúde é uma estratégia bastante necessária. Primeiro, porque os recursos tecnológicos estão na rotina domiciliar, acadêmica e também nos cuidados em saúde. Além disso, as ferramentas tecnológicas aplicadas à saúde podem melhorar o estado clínico do paciente, prevenir complicações, diagnosticar precocemente um problema e diminuir os custos com procedimentos desnecessários. Continue lendo “A importância de investir em tecnologia na área da saúde”

3 benefícios da telemedicina para a gestão clínica hospitalar

A telemedicina é uma realidade em hospitais e consultórios do mundo todo, inclusive no Brasil. É uma vertente clínica que concilia os recursos tecnológicos existentes com a possibilidade de oferecer diagnóstico e tratamento em lugares em que o acesso é limitado pela distância geográfica ou no caso de o paciente ter dificuldades de locomoção.

As práticas da telemedicina incluem a teleassistência, tele-educação, emissão de laudos a distância e tantas outras atividades que aperfeiçoam o diagnóstico, instituem estratégias terapêuticas mais assertivas e melhoram a qualidade de vida dos pacientes. Continue lendo “3 benefícios da telemedicina para a gestão clínica hospitalar”

Entenda o que é a Lei de Proteção de Dados e quais os seus principais impactos na área da saúde

Você já ouviu falar sobre Lei de Proteção de Dados? Essa nova legislação, que estabelece regras sobre a coleta, controle e tratamento de informações obtidas dos cidadãos, é válida para empresas públicas e privadas que atuam no Brasil, incluindo as da área da saúde.

Esse projeto é um marco relevante para o país, visto que garante o direito ao sigilo, privacidade e intimidade quanto aos dados pessoais coletados pelas organizações. No passado, esse assunto era tratado muito vagamente pela legislação brasileira e ainda não abrangia o cenário tecnológico atual. Continue lendo “Entenda o que é a Lei de Proteção de Dados e quais os seus principais impactos na área da saúde”