Gestão de tempo e produtividade para médicos/gestores: confira 4 dicas

rotina de trabalho dos médicos costuma ser intensa, repleta de consultas, pacientes para atender e uma clínica para administrar. Nesse cenário, o profissional precisa fazer uma boa gestão de tempo e produtividade para não acabar sufocado pelos compromissos.

Se você está enfrentando problemas nesse processo e precisa de dicas de como manter a organização no trabalho e também quanto aos assuntos pessoais, não pode deixar de conferir esse conteúdo. Conheça, a seguir, 4 dicas de como controlar o seu tempo de forma mais eficiente. Vamos lá? 

1. Tenha uma agenda sempre à mão

Ter uma agenda com todos os seus compromissos, tanto profissionais como pessoais, é fundamental para fazer uma boa gestão de tempo e produtividade.

Embora muitos profissionais ainda utilizem os modelos em papel, a versão online vem se mostrando como uma opção mais prática e eficiente.

Afinal, com um celular em mãos, fica muito mais fácil criar, modificar e consultar suas atividades a qualquer momento, sem perder tempo ligando para a secretária ou se dirigindo até a recepção para saber os seus horários.

Assim, por meio de um software, você e toda a equipe podem fazer o controle da agenda profissional de forma simultânea. Mas, não se preocupe: compromissos pessoais podem continuar privados.

2. Envolva sua equipe

Para ter sucesso na administração do tempo e da produtividade e, assim, melhorar o funcionamento da sua clínica médica, é preciso contar com todos os seus colaboradores.

Tarefas simples, como reagendar um horário, enviar lembretes aos pacientes para que eles não esqueçam das consultas e confirmar o retorno de acompanhamento, são essenciais para garantir que agenda fique sempre cheia, o que reflete também na lucratividade do negócio.

Por esse motivo, é muito importante que todos estejam alinhados com os objetivos da clínica, cada um cumprindo suas respectivas funções da melhor forma possível para, assim, evitar períodos ociosos e improdutivos para o médico e demais profissionais.

3. Compreenda o poder do “não”

Esse é um problema enfrentado por muitos médicos — a incapacidade de dizer não. Se, mesmo com a agenda do dia fechada, você faz alguns encaixes ou, no final do dia, resolve ajudar colegas do trabalho para atender pacientes extras, você precisa aprender a importância da negação.

Muitas vezes, os médicos acabam colocando a profissão em primeiro lugar e deixam seus compromissos pessoais em segundo plano, o que afeta seus relacionamentos e, até mesmo, a sua saúde. Além disso, toda essa sobrecarga pode afetar ainda a qualidade do seu atendimento.

Por isso, exceto em casos de emergência, o recomendado é seguir a sua agenda rigorosamente. Mesmo que atender o máximo possível de pacientes pareça uma boa ideia, especialmente pelo dinheiro a mais no final do mês, os prejuízos gerados por situações como essas não valem a pena.

4. Invista nos wearable devices

Os wearable devices, ou dispositivos vestíveis, são ótimas ferramentas para fazer o gerenciamento de tempo e produtividade em clínicas e hospitais. As principais vantagens em contar com esses equipamentos e aplicativos móveis, como smartphones e smartwatches, é a flexibilidade de controlar seus compromissos de qualquer lugar.

Integrado com o software de gestão, esse aplicativo faz com que administrar os processos e tarefas da clínica seja uma tarefa muito mais fácil. Como resultado, você vai conseguir utilizar melhor o seu tempo e aumentar a sua produtividade, assim como de todos os profissionais envolvidos.

E aí, gostou de descobrir como otimizar a gestão de tempo e produtividade da sua clínica? Seguindo as nossas dicas e investindo em recursos tecnológicos, é possível controlar e obter melhorias na sua rotina de trabalho.

Quer ficar sempre por dentro das novidades no mundo da medicina? Assine nossa newsletter receba nossos conteúdos diretamente no seu e-mail. Aproveite!