Radiologia digital: como utilizar para melhorar sua produtividade?

A radiologia digital é uma ferramenta eficiente que aumenta a produtividade nos serviços, melhora a assistência e diminui os custos para os gestores e, consequentemente, para os pacientes. Para quantificar essas vantagens, é necessário selecionar indicadores eficazes que traduzem as mudanças em números e facilitam a visualização das atividades para os gestores clínicos.

Sendo assim, é interessante levantar informações sobre os índices de produtividade em uma empresa clínica e entender como ela foi beneficiada com a inclusão da radiologia digital em seu rol de serviços.

Por isso, se você quiser saber como a radiologia digital possibilita maior produtividade nos serviços, não perca nossas informações no post de hoje!

Afinal, o que são indicadores de produtividade?

Indicadores de produtividade são ferramentas que proporcionam visualização gerencial e econômica das estratégias implantadas. Em geral, estão relacionados ao número ou porcentagem das atividades realizadas.

Em uma empresa radiológica, os indicadores de produtividade podem ser: número de procedimentos realizados, porcentagem de resultados sobre determinado exame, índice de satisfação do paciente com o serviço, etc.

Para demonstrar a efetividade das mudanças de tecnologias, é fundamental traçar os indicadores de cada uma em paralelo e depois compará-los de modo a tomar a decisão pela melhor ferramenta.

Como a radiologia digital melhora o diagnóstico?

Os modelos radiológicos tradicionais se baseiam na execução do exame pelo profissional e, posteriormente, na análise dos resultados pelo mesmo indivíduo, o que implica em maior gasto de tempo e na redução diária dos serviços prestados.

Com a radiologia digital, o profissional distinguirá com eficácia as nuances patológicas, pois imagens obtidas com essa técnica são mais detalhadas, e, com isso, o diagnóstico é feito rapidamente, se comparado à técnica tradicional.

Dessa forma, o profissional clínico tem uma ferramenta tecnológica para fazer o diagnóstico com mais confiabilidade, pois essa técnica é mais sensível, específica e proporciona resultados em menor tempo.

Como a radiologia digital aumenta a produtividade?

A radiologia digital traz benefícios que vão além da melhoria das imagens obtidas pelos equipamentos. Ela pode influenciar positivamente todas as atividades exercidas em empresas que ofereçam essa modalidade por meio de um software de gestão.

Com a inclusão da radiologia digital, os exames serão realizados em menor tempo, o que poderá aumentar esse quantitativo diário e melhorar o fluxo de laudos. Ela também possibilita a inclusão de novas especialidades radiológicas que serão identificadas conforme demanda.

Será possível, ainda, organizar a rotina administrativa para oferecer um serviço diferenciado e de qualidade. Isso garante um retorno do paciente à empresa ou uma indicação para outro indivíduo.

Análise global da produtividade de uma clínica radiológica

Com a inserção da radiologia digital, as atividades estarão mais organizadas, o que favorecerá a avaliação de desempenho da equipe clínica e administrativa para aperfeiçoar o atendimento dos serviços prestados.

Com esse panorama, os gestores selecionarão os funcionários mais eficientes e profissionais clínicos com conhecimentos radiológicos para operar as novas ferramentas e melhorar constantemente o diagnóstico.

Sendo assim, o gestor poderá mapear o negócio por meio de indicadores de produtividade que são relevantes, confiáveis e fáceis de operacionalizar, de forma a facilitar a tomada de decisão em prol de melhorias contínuas.

A radiologia digital é uma estratégia eficiente que traz benefícios clínicos, gerenciais e econômicos, que podem ser analisados por meio de indicadores de produtividade. Para tanto, é preciso selecionar as análises fidedignas e apurar as situações não desejáveis do ponto de vista clínico e administrativo.

Ainda tem dúvidas sobre as melhoras que a radiologia digital pode proporcionar? Então, entre em contato conosco!