Inovação na área da saúde: como aplicativos empoderam pacientes?

A inovação na área da saúde cresceu vertiginosamente e repercutiu em todos os serviços clínicos — tendo em vista que melhorou a assistência clínica na medida em que proporcionou novas ferramentas de tratamento e de monitoramento medicamentoso.

Com os recursos utilizados atualmente, é possível ter um diagnóstico mais rápido a partir de estratégias terapêuticas mais eficientes.

Essa revolução trouxe consigo um maior empoderamento do paciente, que tomará as decisões sobre o seu tratamento mediante um volume maior de informações, um número significativo de estudos e uma menor probabilidade de erros.

Por isso, se você quiser saber como a inovação na área da saúde pode empoderar o paciente, fique por aqui e conheça essas informações no post que preparamos!

Uso de aplicativos para monitoramento remoto

A grande dificuldade dos profissionais clínicos era manter um padrão na frequência de consultas e exames para acompanhar o prognóstico da doença, já que parâmetros laboratoriais simples eram difíceis de se obter frequentemente.

Com o advento da tecnologia, foi possível desenvolver aplicativos que aferem constantemente os parâmetros clínicos do paciente e enviam esses dados em tempo real para o médico que o assiste. Dessa forma, ao verificar mudanças bruscas na glicemia capilar ou na pressão arterial, o software envia um alerta para o médico que promove intervenções via aplicativo para o paciente que o solicitou.

Facilidade para realização de exames

Os parâmetros clínicos e radiológicos tiveram um salto significativo em suas análises. Além disso, as amostras se tornaram menores e o desconforto ao paciente também diminuiu na mesma proporção.

Já é possível obter diversas medições hematológicas e bioquímicas com pequenas gotas de sangue e detectar anormalidades em seu estágio inicial. Alguns testes podem ser feitos em farmácias e drogarias com os mesmos padrões de qualidade.

Assim sendo, quando o paciente precisar realizar seus exames, poderá contar com outras possibilidades, além dos laboratórios clínicos, e chegará para uma consulta médica com os resultados prontos.

Utilização de softwares em saúde

Devido à inserção tecnológica no cotidiano das pessoas, foi preciso incorporar essa ferramenta nos ambientes de saúde. Nesse contexto, foram idealizadas plataformas completas para acompanhamento de pacientes, que vão desde o agendamento de consultas online até a possibilidade de entrega diferenciada de exames.

Nesses softwares, é possível cadastrar o número do celular para recebimento de notícias relacionado à saúde, sobre o uso racional de medicamentos, quando agendar consultas com os médicos, entre outras possibilidades.

Também existem serviços para lembretes com o horário de administração dos medicamentos, espaços para que o paciente relate as manifestações clínicas indesejadas e opções para visualizar e imprimir outras informações em saúde.

Dessa forma, o paciente poderá optar por serviços básicos de acompanhamento clínico e farmacoterapêutico, bem como selecionar por aqueles com propostas mais completas, com assistência profissional humanizada e contínua.

Como você pôde ver, a inovação na área da saúde trouxe mudanças no perfil de assistência clínica.

De um lado, observa-se que os recursos tecnológicos facilitaram a detecção de problemas de saúde, aumentaram a expectativa de vida e promoveram mais integração com os profissionais clínicos. De outro, é possível inferir que o paciente está mais envolvido com suas condições e poderá tomar decisões com base nas informações em tempo real que lhe são passadas.

E você, o que achou das nossas informações? Está acompanhando a inovação na área da saúde? Então, aproveite e siga-nos no FacebookTwitter e LinkedIn e fique por dentro das novidades!