Avanço tecnológico: 3 tendências para a área da saúde em 2018

O avanço tecnológico na área da saúde tem proporcionado diagnósticos cada vez mais precoces, tratamentos precisos e menos invasivos, uma melhor organização dos dados clínicos dos pacientes e melhor levantamento dos custos em saúde.

As inovações no setor aliadas a um atendimento humanizado e integral têm melhorado significativamente os cuidados em saúde e garantido resultados eficientes para os gestores das instituições.

Por isso, se você quer ficar por dentro das tendências para a área da saúde, não perca nosso post de hoje!

1. Gestão de clínicas médicas

Há alguns anos atrás, as planilhas eram as únicas ferramentas disponíveis para apuração dos dados clínicos dos pacientes. Atualmente, com o uso de softwares diferenciados é possível avaliar o estado de saúde do paciente e integrá-lo aos demais exames laboratoriais.

Essas plataformas são extremamente úteis para a área de saúde e podem contribuir de diferentes maneiras:

– detectam interações medicamentosas;
– registram de forma organizada o histórico clínico;
– orientam sobre situações especiais referentes a doenças com protocolos de notificação compulsória e medicamentos sujeitos a controle especial;
– fazem levantamentos epidemiológicos sobre as principais condições clínicas do paciente;
– analisam o perfil de prescrição dos médicos, compilando essas informações para futuras publicações científicas.

Além disso, a informatização dos consultórios é uma tendência que permite maior controle do fluxo financeiro, declaração dos serviços médicos e da produtividade das atividades, apontando rotinas sem retorno desejável e sinalizando para outras em franca expansão.

2. Avanços na medicina diagnóstica

O diagnóstico de doenças é um dos campos que mais se beneficiou com os avanços tecnológicos e há muitas tendências para 2018. Por meio de técnicas menos invasivas e com maior sensibilidade, já é possível detectar câncer e outras doenças graves ainda em estágio inicial.

Além disso, com os equipamentos disponíveis atualmente, é factível diferenciar com mais acurácia doenças com manifestações clínicas semelhantes ou realizar exames de marcadores genéticos para traçar a resposta do paciente à terapia proposta.

Tudo isso graças ao desenvolvimento de marcadores bioquímicos sensíveis, equipamentos clínicos mais sofisticados e profissionais com um alto nível de conhecimentos científicos e experiência em operar circuitos robóticos.

3. Relacionamento com o paciente

Os avanços tecnológicos também permitirão uma ampliação do atendimento do médico por meio da telemedicina — estratégia que aproxima cidades distantes geograficamente, por meio de dispositivos virtuais desenvolvidos para essa finalidade.

As teleconsultas consistem em um grande progresso nesse sentido, propiciando atendimento virtual com especialistas clínicos que se concentram nas regiões mais desenvolvidas do país. Por meio delas, os médicos podem descartar ou confirmar doenças e estabelecer condutas específicas para seus colegas que estão em contato físico com o paciente.

Ademais, a telemedicina também proporcionará ainda mais interatividade entre médicos de diversas regiões do país e do mundo para o aperfeiçoamento de técnicas cirúrgicas, aprendizado sobre medicina humanizada e discussão de casos clínicos relevantes.

Esse progresso possibilita maior agregação de conhecimentos e atendimento completo ao paciente que apresenta demandas diversas, se comparado aos tempos em que a inserção da tecnologia na vida diária era pouco representativa.

O avanço tecnológico na saúde veio para aperfeiçoar o atendimento, facilitar fluxos de trabalho, ampliar serviços e modernizar ainda mais a assistência ao paciente. Para tanto, um bom médico precisa se informar e estar preparado para escolher os melhores recursos, participar de treinamentos e realizar uma análise da eficiência dos procedimentos. Conforme demonstrado, as tendências para a área prometem contribuir ainda mais com uma saúde de qualidade e acessível a todos e poderão ser aplicadas em diversos setores.

Quais são os seus planos de inovação para 2018? Quer continuar antenado as novas tendências em saúde? Então, assine nossa newsletter e fique por dentro desse universo.