Dicas para produzir laudos médicos de forma rápida e eficiente

A telemedicina está revolucionando a forma de produzir laudos médicos, facilitando a rotina de profissionais e instituições de saúde. Essa é uma mudança sem volta, pela qual quem não se adequar corre o risco de ficar ultrapassado ou perder pacientes.

De fato, é preciso ter em mente que novas tecnologias surgem para facilitar a rotina dos médicos e proporcionar mais segurança aos pacientes.

Mas, se você ainda se sente inseguro em relação a elas, podemos ajudar a entender como funcionam e quais as vantagens em adotá-las.

O que é telemedicina?

Há algum tempo, emitir um laudo era algo demorado, principalmente, se fosse necessário enviá-lo para outros locais. Felizmente, surgiu a telemedicina, um conjunto de tecnologias de comunicação e informação que permite a troca de dados, a assistência e a cobertura de pacientes a distância.

Ela é fundamental para casos em que é preciso urgência na realização de consultas com outros médicos, troca de conhecimentos entre profissionais e emissão de documentos. Assim, mais pessoas podem se beneficiar de diversos especialistas, ainda que eles não estejam presentes.

No caso dos laudos, as informações são inseridas em uma plataforma, sendo armazenadas em uma base de dados. Em seguida, basta que outra pessoa acesse o documento de qualquer lugar e de qualquer dispositivo fixo ou móvel.

Leia também: Saiba como implementar a telemedicina com sucesso

Como produzir laudos médicos a distância?

Por mais complicado que pareça, na verdade, produzir laudos a distância é bem simples. As imagens de ultrassons, radiografias e outros exames, além de todas as informações sobre o estado e o histórico do paciente, são armazenadas em um sistema online, totalmente protegido.

Os dados podem ser acessados e baixados por outro profissional com acesso à plataforma, podendo ser compartilhados com outros médicos em diferentes locais. Tudo fica armazenado em nuvem, sem a necessidade de grandes espaços físicos para a guarda de documentos.

É uma forma mais eficiente de os pacientes obterem diagnósticos, registros clínicos e opiniões de outros médicos. Tudo com a segurança e a rapidez necessárias, principalmente em situações delicadas ou de alto risco.

Quais as vantagens de usar novas tecnologias na saúde?

Até aqui, fica fácil entender as vantagens da telemedicina para os pacientes, mas os médicos e os profissionais de saúde também se beneficiam dessa tecnologia. Para os gestores hospitalares representa uma economia de tempo e de profissionais, espaço e materiais usados para a emissão e o armazenamento de informações.

Também é possível reduzir erros e perdas, com maior eficiência nos processos. Inclusive dá para enviar os dados a uma empresa especialista na emissão de laudos, com profissionais dedicados.

Para os médicos, esse serviço é bastante importante, já que poderão trocar informações com outros colegas. Além disso, podem acessar os laudos de qualquer lugar, realizando diagnósticos e atendimentos de forma mais rápida.

Ou seja, a telemedicina permite produzir laudos médicos quando e onde eles são necessários. Isso representa um atendimento médico mais ágil, seguro e econômico, em que todos os envolvidos são beneficiados.

A telemedicina pode otimizar bastante a rotina da sua clínica ou seu consultório. Para saber um pouco mais, baixe o nosso e-book e veja como aumentar a produtividade ao laudar!