Por que a atualização na área médica é tão importante?

Não há dúvidas que a medicina e o contato médico-paciente evoluem, rapidamente, à medida que são feitas novas descobertas, que geram avanços tecnológicos. Mas, isso poderia justificar a necessidade de atualização na área médica pelos seus profissionais?

Há alguns séculos, médicos realizavam partos e dissecações de cadáveres sem luvas ou qualquer tipo de equipamento de proteção. Na época, os micro-organismos ainda não haviam sido descobertos e ninguém suspeitava que as infecções pudessem estar relacionadas à sujeira das mãos do médico.

Há algumas décadas, a única forma de se comunicar com o seu médico era pessoalmente dentro do consultório, mas, atualmente, o telefone, o SMS, os aplicativos de mensagens, o e-mail já se tornaram parte da rotina.. O avanço tecnológico requer uma busca constante do profissional da saúde em se manter atualizado, mesmo com a correria do seu dia a dia.

Confira as dicas que separamos para você!

Por que a atualização na área médica é tão importante?

A medicina está em constante mudança. A cada dia, são feitas novas descobertas sobre a fisiopatologia de doenças ou efeitos adversos de medicamentos.

Com frequência, novas doenças, até então raras, se tornam recorrentes, novos antibióticos são lançados, e micro-organismos ganham resistência, contra substâncias usadas no combate a infecções. Em contrapartida, novos aparelhos robóticos são criados, para auxiliar o médico no diagnóstico e no tratamento das novas patologias.

Para um médico, não se manter atualizado significa lutar contra os avanços da medicina, ter uma prática equívoca e até colocar a saúde dos seus pacientes em risco. O conhecimento adquirido na faculdade ou nos livros, muitas vezes, está longe do que guia a prática médica, hoje, e ainda mais longe do que será feito amanhã.

A tendência mundial é de que a medicina se baseie, cada vez mais, em evidências, dados claros e confiáveis que comprovem a eficácia de um tratamento sobre o outro, afastando-se das teorias duvidosas ou da experiência individual de cada médico.

Como o médico pode se manter atualizado?

Antes de mais nada, é importante que o profissional de saúde esteja comprometido com a carreira e deseje investir sempre mais em seu conhecimento, mesmo fora da faculdade. Para isso, ele tem diversas opções:

Cursos

Sejam de curta ou longa duração, os cursos são uma ótima forma de adquirir conhecimento especializado, após a graduação, podendo focar em uma doença ou um novo equipamento, por exemplo. Muitas vezes, os cursos estão disponíveis online ou ocorrem em finais de semana, permitindo um encaixe mais fácil na rotina do médico.

Eventos científicos

Encontros, congressos, oficinas, discussões e outros eventos científicos oferecem uma reunião de profissionais, da mesma área, para apresentação de novas descobertas e debates relacionados à escolha de condutas.

Artigos médicos

A base da literatura médica são os artigos científicos publicados em revistas e jornais renomados. Manter-se atualizado na leitura dos artigos, relacionados à área específica de atuação, e analisando a qualidade da pesquisa realizada e seus efeitos, prática diária, o médico consegue se destacar no mercado.

Websites e aplicativos

Embora sites e aplicativos não sejam uma fonte muito confiável de conteúdo médico, eles são ótimas alternativas para quem busca entender mais sobre novos equipamentos ou tecnologias relacionadas à gestão de clínicas e hospitais ou, ainda, à medicina diagnóstica.

Além de se manter em dia com as novidades científicas, a atualização na área médica não envolve, apenas, os conceitos de saúde. Entender como usar da tecnologia para prestar um serviço de qualidade se tornou questão a ser sempre atualizada! Para saber mais, confira, agora, os benefícios do sistema de gestão de laudos para a sua clínica.