Como a tecnologia pode ser minha aliada no atendimento a pacientes

Utilizar a tecnologia no atendimento a pacientes é uma estratégia tão interessante quanto necessária. Ela agiliza o atendimento, organiza os dados pessoais e clínicos e estrutura adequadamente o faturamento das contas hospitalares.

Porém, quando utilizada em excesso ou sem o treinamento correto dos funcionários, ela pode acarretar em prejuízos e desorganização nos processos e frustração por parte dos pacientes e gestores.

Quer saber como a tecnologia pode ser aliada no atendimento a pacientes? Então, continue lendo e entenda os benefícios dessa implantação no post de hoje!

Do agendamento online de consultas a recepção de pacientes

A tecnologia poderá ser implementada inicialmente no agendamento online de consultas clínicas. Por meio de software específico ou do acesso às páginas da empresa destinadas a esse propósito, será possível marcar uma consulta em qualquer dia e horário.

Ao entrar no sistema, o paciente seleciona a data e o período de sua conveniência e, assim, poderá remanejar sua rotina conforme esse compromisso médico. Além disso, alguns sistemas também enviam lembretes de consultas por meio de telefones celulares e e-mail para evitar o esquecimento do paciente.

Na recepção, o paciente será atendido por colaboradores que já terão algumas informações provenientes do agendamento eletrônico. Bastará apenas completar o cadastro com outros dados relevantes ao processo.

Leia também: Agendamento online: conheça 5 benefícios para a clínica 

Do prontuário eletrônico à integração dos dados clínicos

A tecnologia hoje é vista como fundamental principalmente em empresas de saúde, que precisam organizar os dados clínicos do paciente e alimentá-los conforme o andamento das consultas médicas.

prontuário eletrônico é a maior evolução na prática médica porque aperfeiçoa o atendimento, diminui os problemas decorrentes da ilegibilidade das condutas terapêuticas escritas manualmente e integra as informações de outros profissionais de saúde.

Além disso, o prontuário é acessado por senhas, garantindo segurança das informações. Ainda, ele possibilita uma visão holística da história clínica e medicamentosa do paciente. Alguns softwares já conseguem interligar as imagens médicas advindas de outras plataformas.

Do controle dos processos ao faturamento de contas hospitalares

A tecnologia no atendimento a pacientes possibilita o controle adequado dos processos gerenciais, permite a emissão de relatórios sobre demanda e produtividade dos serviços prestados e direciona os gestores na tomada de decisão.

Os recursos tecnológicos propiciam também o faturamento digital das contas hospitalares, a análise de custo de cada procedimento e o levantamento dos principais problemas de glosas e inconsistências nesse processo.

Assim, o gestor controla os custos por paciente, faz um diagnóstico da situação clínica e econômica do ambiente de saúde e toma decisões gerenciais baseada na realidade observada pelo software de gestão hospitalar.

A tecnologia no atendimento a pacientes é uma ferramenta inovadora e tende a ser uma realidade no ambiente clínico. Os recursos tecnológicos auxiliam desde o agendamento de consultas até o faturamento real das contas hospitalares. Além disso, os gestores são beneficiados pela organização das atividades, emissão de relatórios e integração dos dados clínicos e medicamentosos do paciente proporcionadas pelo sistema.

Leia também: Como a tecnologia pode ajudar na gestão do consultório médico?

E você, consegue imaginar a sua vida sem tecnologia? Entende como ela já é uma realidade nos ambientes clínicos? Qual foi sua experiência com a implantação? Tem alguma dúvida? Deixe seu comentário!