Sistema RIS na gestão de centros de diagnóstico por imagem

Os centros de diagnóstico por imagem já são digitalizados, ou seja, lidam com tecnologia e informação o tempo todo. A área de radiologia passa constantemente por modernizações e surgimento de novas tecnologias e ferramentas diagnósticas. Nesse contexto, surge o Sistema RIS (Radiology Information System) em cloud.

Você conhece o RIS? Sabe como ele pode beneficiar a gestão da sua clínica radiológica? Então acompanhe nosso artigo, vamos te ajudar a compreender melhor tudo isso!

O que é o RIS em cloud?

Antes de tudo, vamos falar sobre o termo cloud. Traduzido do inglês, significa nuvem, e se refere a uma forma de armazenamento não-físico, ou seja, salvar conteúdos em espaços virtuais online. O método de armazenamento na nuvem tem certas vantagens, principalmente com economia em infraestrutura, já que não demanda alto investimento em hardware (parte física dos equipamentos).

Leia também: Armazenamento em nuvem: posso confiar e investir?

Pronto, agora vamos falar propriamente do método RIS — Radiology Information System (Sistema de Informação de Radiologia), muito importante para a gestão dos centros de diagnóstico por imagem. Essa metodologia possui ferramentas que automatizam todo o fluxo de trabalho e de informação de um centro radiológico.

Quais os benefícios de utilizar o RIS em cloud?

Comunicação

O RIS é um sistema que possui um banco de dados interno, o que facilita criar um registro único de cada paciente. Além disso, o sistema RIS pode ser integrado a outros softwares para reunir todas as informações em um único local. A integração PACS e RIS é um exemplo. PACS é a sigla para Picture Archiving and Communication System, ou Sistema de Comunicação e Arquivamento de Imagens.

Essa fusão de sistemas cria um registro acessível em qualquer lugar e a qualquer hora. A vantagem é possibilitar que a equipe da clínica radiológica consulte dados dos pacientes sem precisar alternar entre um sistema e outro para compilar as informações.

Outra vantagem é a integração entre equipamentos e sistemas de gestão hospitalar de fornecedores diferentes. Exames laudados no PACS estarão também disponíveis no RIS e vice-versa.

Redução de custos

Os custos são diminuídos devido à mudança de filmes antigos por imagens digitais modernas, somada ao aumento da eficácia na operação de equipamentos. Com os softwares integrados, ocorre uma redução do tempo de espera do paciente, e também do tempo investido pelos funcionários ao prestar assistência.

Os preços com o armazenamento digital estão diminuindo, já que alternativas em tecnologia de gestão de informação estão sendo cada vez mais procurados pelas clínicas. Dados virtuais são mais práticos de serem visualizados e não ocupam espaço físico nas clínicas, demandando menos gasto com estoques.

Quais as vantagens para os pacientes?

As vantagens de utilizar o RIS em cloud nas clínicas chegam até os pacientes, que agora possuem um registro mais rico de informação no sistema. Isso influencia em um atendimento de melhor qualidade, já que viabiliza uma análise mais ampla da saúde como um todo, por imagens de exames e dados clínicos associados.

De forma geral, o sistema RIS é uma ferramenta que oferece soluções completas. Impacta diretamente o aumento da produtividade do clínica radiológica, ao mesmo tempo em que dá mais conforto e rapidez para o paciente.

Tendo como base a conectividade, integração e disponibilidade, o sistema RIS atende as necessidades em geral, e pode ser personalizado de acordo com a demanda de sua própria clínica.

Gostou deste conteúdo? Ficou com alguma dúvida sobre esse assunto? Assine nossa newsletter e fique por dentro desse assunto e muito mais!